5 Formas para conseguir fazer intercambio

O intercâmbio pode ser uma experiência incrível tanto para adquirir conhecimento como incrementar o currículo profissional e acadêmico. O costume é curtir a experiência enquanto ainda se está no período de estudos para aproveitar um pouco mais e tornar mais atrativo o currículo acadêmico. Saiba como fazer a seguir.

As vantagens de fazer intercâmbio

Passar um tempo fora do país trabalhando ou estudando pode ser um planejamento para qualquer idade e é uma ótima experiência para ser curtida antes do Enem 2018. Costumeiramente são os estudantes mais dispostos a fazer isso porque trocou a formação acadêmica em seu país por uma em outro. Isso ajuda futuramente com estágios e empregos e sempre é visto com bons olhos por empregadores.

Para que ainda pensa se vale a pena fazer intercâmbio é importante focar no quanto pode ser enriquecedora a experiência em outro país. A troca de conhecimentos culturais com outros alunos é uma  das vantagens imensuráveis. Até mesmo alimentação muda. Ajuda a ampliar a visão de vida e até sobre si mesmo.



Mas os argumentos utilizados acima são apenas alguns da infinidade de vantagens em fazer intercâmbio. Algumas delas são:
  • Aprimorar outro idioma;
  • Fazer novos amigos;
  • Buscar oportunidades profissionais fora do país;
  • Incrementar o currículo acadêmico e profissional;
  • Conhecer novos lugares;
  • Dentre outras.

As 5 Formas para conseguir fazer intercambio 

Você pode conseguir fazer intercâmbio:

Em um pacote de agência de viagem - Agências de viagens especializadas neste tipo de passeio podem oferecer pacotes de apenas algumas semanas ou meses. Os valores variam conforme o país de destino. A dica mais importante é fazer uma pesquisa com amigos ou parentes os quais já fizeram uso do serviço na empresa para buscar referências.

Em uma universidade ou faculdade - Muitas instituições de nível superior possuem parceria com universidades ou faculdades em outros países. O estudante continua pagando essa mensalidade no instituição à qual fez matrícula mas passa um período de 6 meses a 1 ano em outro país.  A viagem deve ter finalidade acadêmica e dar continuidade ao mesmo curso.

Programas governamentais de bolsas de estudo no exterior -  Um bom exemplo é o Ciência sem Fronteiras que permite estudantes do Ensino Fundamental e Médio passarem um período fora do país dando continuidade aos estudos A finalidade de tais programas costuma ser pesquisa e apenas premia interessados com as maiores notas por meio de processo seletivo.

Inscreva-se em bolsas de estudo de embaixadas -  as embaixadas de outros países também oferecem oportunidade para alunos com boas notas e fazerem parte do seu sistema acadêmico. As seleções costumam envolver provas completas mais vale a pena tentar porque a viagem sai de graça.

Inscrever-se em bolsas de pesquisa - não é necessário ser aluno para concorrer a uma bolsa como essa. Basta ter boas notas no currículo acadêmico ou ser um profissional da área com interesse, além de ser aprovado nos testes. Procure por instituições de ensino superior de outras regiões buscando profissionais para ocupar vagas e se candidate em quantas conseguir.

Comentários

Postagens mais visitadas